Sete barragens do Piauí já atingiram capacidade máxima




O monitoramento feito pelo Instituto de Desenvolvimento do Piauí (Idepi) apontou que oito das 14 barragens acompanhadas pelo órgão estão operando em volume máximo e sangrando. Essa cheia se deu devido às fortes chuvas que têm caído no estado.

As barragens que já atingiram o volume máximo de água nos reservatórios e estão sangrando estão:

  1. Mesa de Pedra, localizada na cidade de Valença do Piauí;
  2. Emparedado e Corredores, na cidade de Campo Maior;
  3. Bezerro, em José de Freitas;
  4. Salinas, em São Francisco do Piauí;
  5. Piracuruca, em Piracuruca;
  6. barragem São Vicente, em São Miguel do Tapuio; e
  7. barragem Estreito, em Padre Marcos.

Destas, apenas a barragem de Estreito fica na região sul do estado. As demais estão localizadas nas regiões Norte e Centro do Estado.

VEJA TAMBÉM | Incêndio deixa casa completamente destruída em Campo Maior

“A dinâmica dos reservatórios é de acordo com as chuvas. Em Pedra Redonda, o reservatório já está cheio e à medida que as chuvas continuem, haverá a liberação da água excedente para o leito do rio, acionando o sangradouro, algo absolutamente normal e esperado para esta época do ano”, explica o diretor de Engenharia do IDEPI, Antônio Marcos Silva.

Apesar das barragens citadas estarem operando em nível máximo, o Idepi afirma que nenhuma oferece risco à população.

Barragens em obras 

O IDEPI está contratando, através de processo licitatório, o projeto de Recuperação da Barragem Piracuruca (Piracuruca) e Salinas (São Francisco do Piauí). Além disso, está em fase final o projeto de recuperação da Barragem Algodões II (Curimatá), que deve abranger a restauração das estruturas da parede da barragem, além da recomposição e recuperação dos equipamentos hidromecânicos, essenciais para a operação da comporta, que foram furtados da sala de máquinas.

Atualmente, apenas a Barragem do Bezerro, em José de Freitas, segue com trabalhos de reparo e manutenção sendo executados, obra que está em fase final e é de responsabilidade da Secretaria Estadual de Defesa Civil. A secretaria também deve executar os reparos necessários na Barragem Emparedado, em Campo Maior.

Além delas, a Barragem de Pedra Redonda, localizada na cidade de Conceição do Canindé, será recuperada em 2022. A obra será custeada por um convênio firmado entre o Governo do Estado e o Ministério do Desenvolvimento Regional. Este projeto está em fase final de elaboração e tem recursos garantidos no valor de R$ 11 milhões.

FONTE: Cidade Verde


 

Portal de Olho – A Notícia com Verdade
Endereço: Residencial Barcelona, Casa 22 Bairro Pousada do Sol, Campo Maior – Piauí
Número: (86) 9.8123-5348 |
E-mail: [email protected]