Wellington Dias testa positivo para Covid-19 durante evento na Escócia

Brasília - Governador Wellington Dias (PI) fala à imprensa após reunião com o presidente Michel Temer e os governadores de SC, de GO, PA, RJ e DF, no Palácio do Planalto (Valter Campanato/Agência Brasil)

Facapi

O governador Wellington Dias testou positivo para Covid-19 nesta quinta (11), durante a realização de exames obrigatórios feitos diariamente no evento da COP26, que acontece em Glasgow, na Escócia. A informação foi divulgada pela Coordenadoria de Comunicação do Governo do Piauí.

O governador é vacinado com as duas doses da vacina e, mesmo com a testagem positiva, de acordo com a CCOM, se encontra bem, manifestando apenas sintomas leves da doença. Um novo exame, do tipo PCR, foi realizado como contraprova na manhã desta quinta-feira (11) e seu resultado deverá sair em até 24 horas.

VEJA TAMBÉM | Campo Maior ultrapassa 65 mil doses aplicadas e é a 6° cidade que mais vacina no Piauí

“Caso o teste seja confirmado positivo, o Chefe do Executivo piauiense deverá ficar em quarentena no Reino Unido por um período de 14 dias, cumprindo as normas locais de segurança sanitária. Os demais membros da delegação piauiense cumprirão a agenda programada no evento e retornarão ao Piauí assim que concluir a participação planejada”, informou a Coordenadoria de Comunicação, em nota divulgada à imprensa.

Veja a nota na íntegra:

“A Coordenadoria de Comunicação do Governo do Piauí informa que o governador Wellington Dias, testou positivo para Covid-19 nesta quinta (11), durante a realização de exames obrigatórios feitos diariamente no evento da COP26, que acontece em Glasgow, na Escócia. 

Destacamos que o governador é vacinado com as duas doses da vacina e, mesmo com a testagem positiva, se encontra bem, manifestando apenas sintomas leves da doença. Um novo exame, do tipo PCR, foi realizado como contraprova na manhã desta quinta-feira (11) e seu resultado deverá sair em até 24h.  

Caso o teste seja confirmado positivo, o Chefe do Executivo piauiense deverá ficar em quarentena no Reino Unido por um período de 14 dias, cumprindo as normas locais de segurança sanitária. 

Os demais membros da delegação piauiense cumprirão a agenda programada no evento e retornarão ao Piauí assim que concluir a participação planejada”.

FONTE: Meio Norte