Piauí ganha seu primeiro posto de carregamento de veículos elétricos




O Parque da Cidadania, em Teresina, ganha o primeiro posto do Piauí de carregamento de veículos elétricos, entre eles, dez bicicletas que ficarão disponíveis para as pessoas pedalarem, por uma hora cada, dentro da área de lazer.

O eletroposto, como é chamado, poderá ser utilizado nos horários de funcionamento do Parque que ocorre das 5h30 às 21h30, todos os dias da semana. A iniciativa partiu de uma parceria da Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semam) e Equatorial Piauí, através do Programa de Pesquisa e Desenvolvimento da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).

A inauguração acontece nesta quarta-feira (16), e além das bicicletas, um carro elétrico será doado ao poder público municipal, para rondas de segurança.

“Precisamos pensar cada vez mais soluções que minimizem os impactos ao nosso Meio Ambiente. Pensar estratégias e projetos que nos ajude a fazer uma Teresina cada vez mais sustentável. A inauguração deste eletroposto será um marco muito importante no fortalecimento da política ambiental em nossa cidade”, destacou a secretária Elisabeth Sá.

O presidente da Equatorial Piauí, Lener Jayme, disse que por meio desse projeto de mobilidade elétrica, se busca contribuir com a descarbonização do meio ambiente utilizando como fontes de alimentação a energia solar, que é limpa e renovável.

“A ideia é promover o uso sustentável da energia e fomentar a redução de impactos ambientais provenientes do uso de combustíveis fósseis”, declarou.

Além de criar uma proposta sustentável para o transporte, o projeto também busca desenvolver inovações tecnológicas e diversificar as fontes energéticas. Tem ainda o objetivo de estimular o avanço tecnológico nacional através do desenvolvimento de sistema de carregamento de veículos.

A chegada do projeto de mobilidade elétrica no Piauí vai permitir fomentar e avaliar o uso de veículos elétricos pela comunidade frente ao cenário atual de mobilidade urbana, de forma a incentivar a adesão e contato mais próximo com a tendência mundial de eletrificação das frotas de carros”, completou.

O projeto de mobilidade elétrica no Piauí, pioneiro no Estado, está alinhado com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU, e tem como foco: educação de qualidade, energia acessível e limpa e ação global contra a mudança global do clima.

Com a inauguração do eletroposto no Piauí, passa a existir a Rota do Sol, que consiste numa Rota de Carregadores de Veículos Elétricos entre São Luís e Teresina, permitindo essa mobilidade de um estado ao outro com uso de carro elétrico.

Instruções para uso das bicicletas elétricas

As bikes poderão ser utilizadas somente na ciclovia do Parque da Cidadania. Para viver essa experiência, o usuário deve baixar o aplicativo “E+ Mobilidade Elétrica”, disponível para download em aparelhos Android e iOS, e realizar cadastro incluindo um cartão de crédito que será utilizado apenas para fins de garantia de devolução da bicicleta.

O aplicativo é seguro e, após o uso do equipamento, que pode ser por até uma hora, a entrega deve ser feita no eletroposto. Em horário comercial haverá um instrutor da Equatorial Piauí para esclarecer dúvidas e orientar a população.

Veículos elétricos

O carro elétrico popular doado à Prefeitura de Teresina, leva em torno de três horas para uma carga completa e permite o percurso de até 250 km.

“Levando em consideração que cada carga completa consome 52 kWh de energia, o valor médio para cada carga, na tarifa convencional do Piauí (R$ 0,62804 para cada kWh) com adição dos encargos, tributos estaduais e federais, sairia aproximadamente R$ 60,00 (*valor médio calculado para um cliente convencional residencial). Para efeito comparativo, encher o tanque de gasolina de um carro a combustão do mesmo porte custa hoje em torno de R$ 310,00”, calcula Equatorial.

FONTE: G1 PI


 

Portal de Olho – A Notícia com Verdade
Endereço: Residencial Barcelona, Casa 22 Bairro Pousada do Sol, Campo Maior – Piauí
Número: (86) 9.8123-5348 |
E-mail: [email protected]