Militar filho de ex-vice-prefeito de Campo Maior é preso em Teresina por manifestar opiniões políticas




O campomaiorense e Major do Exército Brasileiro Costa Araújo foi preso preventivamente na última quinta-feira (05) por manifestar-se publicamente a respeito de assuntos político-partidários. O mandado de prisão foi expedido pela Justiça Militar Federal.

De acordo com o Item 57 do Anexo I do decreto 4.346, que dispõe sobre o Regulamento Disciplinar do Exército, configura-se transgressão o ato de “Manifestar-se, publicamente, o militar da ativa, sem que esteja autorizado, a respeito de assuntos de natureza político-partidária”.

Nas redes sociais do major, é possível ver dezenas de publicações que fazem referência e apoiam o presidente Jair Bolsonaro.

Costa Araújo, que é pré-candidato a deputado federal e filho do ex-vice-prefeito de Campo Maior, João Alves Filho, está preso na sede do 25° Batalhão de Caçadores (25° BC), em Teresina.

Major Costa Araújo ao lado do pai, João Alves Filho.
Major Costa Araújo ao lado do pai, João Alves Filho.

O pré-candidato a governador do Piauí, Major Diego Melo, por meio de suas redes sociais, expressou sua indignação a respeito da prisão do Major Costa Araújo. Segundo ele, a determinação judicial é “totalmente abusiva”.

 

 

 


 

Portal de Olho – A Notícia com Verdade
Endereço: Residencial Barcelona, Casa 22 Bairro Pousada do Sol, Campo Maior – Piauí
Número: (86) 9.8123-5348 |
E-mail: [email protected]