Em 1º turno, Câmara de Campo Maior aprova projeto que permite Reforma da Previdência




A Câmara de Campo Maior aprovou em sessão extraordinária nessa quarta-feira (13/04) o Projeto de Emenda à Lei Orgânica do Município que escabece regras do regime próprio de previdência. O texto foi aprovado em primeiro e deve ser submetido ao plenário em segundo turno na próxima quarta-feira (20/04). O projeto recebeu nove votos favoráveis dos vereadores de situação e três contrários dos vereadores de oposição.

O presidente da Câmara de Campo Maior, vereador Sena Rosa (Progressistas), explicou que o projeto adequa a Lei Orgânica do Município à legislação nacional e abre caminho para que seja realizada a Reforma da Previdência dos servidores municipais.

“Todos os municípios brasileiros têm até o dia 30 de junho para implantar a Reforma da Previdência. Caso contrário, o município perde as certidões que garantem o recebimento de recursos. Na prática, o município fica inviável com as sanções impostas. Por isso é essencial que votemos à favor”, disse.

Sena Rosa comentou ainda que a aprovação permitirá que o município possa parcelar os desfalques realizados no Campo Maior Prev ao longo dos anos e evitará que as contas do município das contas do município.

“O município precisa informar ao Tribunal de Contas que está se movimentando para parcelar os débitos com a previdência própria para que as contas não sejam bloqueadas. Ou aprovamos o projeto ou as contas podem ser bloqueada e o município não tenha nem mesmo condições de pagar os servidores”, explicou Sena Rosa.

Os parlamentares acreditam que o placar deve se repetir na votação em segundo turno e a Câmara possa receber outros três projetos que estabelecerão as regras da reforma da previdência dos servidores municipais e os termos de parcelamento dos débitos.

 


 

Portal de Olho – A Notícia com Verdade
Endereço: Residencial Barcelona, Casa 22 Bairro Pousada do Sol, Campo Maior – Piauí
Número: (86) 9.8123-5348 |
E-mail: [email protected]